• Sombrio

    MIN 20ºMAX 26º
  • Santa Rosa do Sul

    MIN 22ºMAX 25º
  • Balneário Arroio do Silva

    MIN 22ºMAX 26º
  • Jacinto Machado

    MIN 18ºMAX 25º
  • Araranguá

    MIN 20ºMAX 27º
  • Balneário Gaivota

    MIN 20ºMAX 26º
Ver mais

Região

30/01/2018  às 16hs25

Radar meteorológico já está em Araranguá e cobrirá 41 municípios

SC com 100% de cobertura meteorológica


Foto: Leneza Della Krás

Foto: Leneza Della Krás


O radar meteorológico, responsável pela cobertura da região sul, chegou em Araranguá no final da manhã desta terça-feira, 30. Técnicos da Defesa Civil SC transportaram o equipamento até a base, no Morro dos Conventos. Apesar de ter um peso aproximado de 4 toneladas, o transporte é simples, já que o radar foi feito para ser deslocado. Uma viatura camioneta F-4000 auxiliou no transporte.

Após estacionar o aparelho no local e ajustes necessários nos equipamentos, o radar já cumpre sua função, o monitoramento de curtíssimo prazo. O alcance é entre 100 e 150 km, ou seja, 41 municípios abrangidos. Em breve as imagens estarão disponíveis para o público, assim como as imagens dos radares do Vale e do Oeste.

A data prevista de inauguração é 22 de fevereiro deste ano. Porém, ainda será confirmada pelo governador. O investimento no Radar Sul (Araranguá) é de R$ 3,4 milhões. Os recursos são do Pacto por SC, financiados pelo Banco do Brasil. O secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Araranguá, Heriberto Afonso Schmidt, acompanhado do coordenador regional de Defesa Civil, sargento BM Sebastião Antônio de Souza, acompanhou a chegada do equipamento e a instalação em Araranguá, junto ao Farol da Marinha. “Agradecemos ao Governador Raimundo Colombo e o secretário Rodrigo Moratelli por este importante investimento que vai beneficiar todo o sul de Santa Catarina. No passado já sofremos muito com eventos climáticos, e agora nossa região está bem servida no quesito prevenção”, disse Schmidt.

Dados técnicos

O radar do Sul possui o modelo Banda X e foi fabricado pela empresa Norte Americana Enterprise Electronics Corporation (E.E.C). O radar está numa carreta reboque de 2,63 m de largura e 5,64 m de comprimento. A altura da base até o topo da radome (equipamento que protege a antena) é de 3,50 m. Em casos extremos, ele poderá ser deslocado para qualquer região do Estado para auxiliar no gerenciamento do evento no local.

Municípios pertencentes à cobertura do radar móvel: Urubici, Rio Fortuna, São Martinho, Imaruí, Laguna, Capivari de Baixo, Gravata, Armazém, Braço de Norte, Grão Pará, Orleans, Lauro Muller, Treviso, Urussanga, Pedras Grandes, Tubarão, Jaguaruna, Treze de Maio, Cocal do Sul, Siderópolis, Nova Veneza, Criciúma, Morro da Fumaça, Sangão, Içara, Araranguá, Maracajá, Forquilhinha, Morro Grande, Meleiro, Timbé do Sul, Turvo, Balneário Arroio do Silva, Ermo, Jacinto Machado, Sombrio, Santa Rosa do Sul, Balneário Gaivota, Praia Grande, São João do Sul e Passo de Torres.

100% de cobertura meteorológica em SC

Com os radares do Vale (Lontras), Oeste (Chapecó), Santa Catarina passa a ter 100% de cobertura meteorológica. "As imagens produzidas pelos equipamentos dão suporte aos meteorologistas preverem as condições do tempo em curto prazo, e a Defesa Civil SC gerar os alertas", explica o gerente de monitoramento e alerta da Defesa Civil, Frederico Rudorff.

"Seremos o único Estado do país com cobertura plena de radares meteorológicos. Isso é um marco para nós da secretaria porque possibilita mobilizar toda a estrutura de defesa civil preventivamente antes do desastre", acrescenta o secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli.