• Balneário Gaivota

    MIN 16ºMAX 20º
  • Santa Rosa do Sul

    MIN 17ºMAX 19º
  • Jacinto Machado

    MIN 14ºMAX 21º
  • Balneário Arroio do Silva

    MIN 17ºMAX 20º
  • Araranguá

    MIN 16ºMAX 20º
  • Sombrio

    MIN 16ºMAX 20º
Ver mais

Educação

15/04/2017  às 21hs37

Interdição de escolas em Sombrio e Gaivota completa um mês

Mais de 3,5 mil alunos seguem sem aulas


Alunos durante manifestação em Sombrio
Foto: Arquivo pessoal / Divulgação

Alunos durante manifestação em Sombrio
Foto: Arquivo pessoal / Divulgação


Após um mês da interdição de algumas escolas em Sombrio e Balneário Gaivota, mais de 3,5 mil alunos da rede estadual catarinense continuam sem aulas. O Ministério Público também fará vistorias em todas as unidades de ensino e creches municipais, em uma delas, o MP interditou uma cozinha por considerar que o ambiente faltava com a higiene. Outras escolas também já foram notificadas pelos Bombeiros por falta de equipamentos de segurança como extintores e placas de sinalização.

A Agência de Desenvolvimento Regional (ADR), com sede em Araranguá, já lançou um edital buscando atender as exigências apontadas pelo Ministério Público nas escolas: Macário Borba, Catulo da Paixão Cearense, Protásio Joaquim da Cunha, Normélio Cunha, Irineu Bornhausen, Doralina Clezar da Silva e Praia da Gaivota.